Cadastre-se para receber novidades
Artigos » Eventos » Eventos Sub » Artigos » Sempre de novo o tema da crian...
A↑AA↓

Sempre de novo o tema da criança - Frei Almir Ribeiro Guimaraes

Por: Família Missionária

Olá, meus amigos! Prova de que Deus não se esqueceu da humanidade é que ainda nascem crianças na face da terra. Não é aqui o momento de falar de todas as luzes e sombras que incidem sobre as crianças de nossos tempos. Constatamos que elas andam enervadas e estressadas. Os pais, com ou sem autorização médica, andam dando tranquilizantes a seus filhos expondo-os assim os efeitos colaterais de tais medicamentos.

Os pais, na medida de seus recursos, ocupam o tempo todo dos filhos... cursos, aulas suplementares, violão, informática...E as crianças sabem tudo a respeito dos computadores, da internet...Estão superocupadas. Ocupadas demais. Não tem mais tempo nem lugar de mexer na terra, de remexer nos canteiros, de  correr num quintal, de ter a calças sujas de terra, de descobrir no mato onde a galinha de pescoço pelado foi fazer seu ninho...As crianças ficam estressadas...Não conseguem tranquilidade  na escola... sentam, levantam, desobedecem... quando vão à igreja não aguentam ficar quietas e correm de um lado para o outro... querem sair de uma espécie de prisão na qual foram encerradas... Compreende-se.
 

As crianças precisam andar descalças pela terra, pelo verdes dos parques, precisam molhar o pés num córrego, brincar brincadeiras de crianças até à exaustão. Os  pais saberão valorizar os talentos e as qualidades de cada filho...Antes de tudo, os pais se fazem presentes na vida dos filhos... mesmo com dificuldade... Não é mais tolerável essa ausência de pai e de mãe na vida dos filhos pequenos e adolescentes.

Passear, andar, cantar, jogar, brincar, ter momentos de estudo, momentos de tentativa de buscar a Deus,  sempre sob o olhar amoroso e vigilante dos pais. Não temos o direito de estressar nossas crianças... e atenção... muita atenção...com a intenet e tudo a ela relacionado...as amizades virtuais não bastante... as crianças haverão de criar laços e liames na coisas banais e simples:  correndo pelos campos, fazendo teatro, partilhando sua vida com amigos de sua idade.

E  vida as crianças....
 

Grato pelo sua delicada companhia

voltar

© Todos direitos reservados - Familia Missionária. design by ideia on